prefeitura

 

Conforme anunciado no início do mês pelo prefeito Joaquim Maia, o pagamento do 13º salário dos servidores e contratados, de Porto Nacional, foi feito hoje, quarta-feira, 20.

Com a liberação por parte da Secretaria da Fazenda, os servidores já confirmaram o recebimento em suas contas, tanto os que recebem pelo Banco do Brasil, quanto os que recebem pela Caixa Econômica Federal. O valor liberado foi de R$ 4.823.085,81 (quatro milhões oitocentos vinte três mil oitenta cinco reais e oitenta e um centavos) que, somados ao valor da folha pago no início do mês, dia 5, que foi de R$ 5.642.702,52 (cinco milhões seiscentos quarenta dois mil setecentos e dois reais e cinquenta dois centavos) chega a quase 10,5 milhões de reais investidos no município. Dinheiro que irá fomentar o comércio local neste fim de ano.

Enquanto muitos municípios tocantinenses, e de outros tantos Estados, ainda não conseguiram sequer marcar a data para o pagamento do 13º aos seus servidores, o prefeito Joaquim Maia demonstrou compromisso e capacidade administrativa. “Tivemos um ano financeiro difícil, assim como todos os outros municípios, mas esta crise não nos pegou de surpresa, desde o início do ano, quando iniciamos o mandato, já planejávamos o pagamento do 13º salário e para isso fizemos uma reserva mês a mês para este momento.” Conta o prefeito Joaquim Maia. Segundo o secretário da Fazenda, Iomar Teixeira, mesmo com a economia feita durante todo o ano não foi fácil realizar o pagamento. “Fizemos o dever de casa, mas temos que admitir que não foi fácil. Devo dizer que só foi possível pelo modelo de administração adotada pelo Prefeito Joaquim Maia que soube fazer o dever de casa.” Disse aliviado o secretário.

Contas equilibradas

A realidade de hoje do município de Porto Nacional, comparada com o mesmo período em 2016, é significativamente melhor. Para se ter ideia, o pagamento do 13º salário dos servidores dezembro passado, só foi possível em razão do repasse que o município recebeu da União, referente ao repatriamento, que foi a divisão de valores recebidos pelas multas e impostos sobre os contribuintes no exterior que estavam de alguma forma ilegal. Naquele momento Porto Nacional recebeu 1,4 milhão de reais. O que possibilitou complementar o 13º. Além disso, várias contas a pagar foram deixadas pelo prefeito anterior, inclusive parte do salário de dezembro dos servidores.

Hoje, a administração responsável do prefeito Joaquim Maia está fechando o ano com suas obrigações em dia e já com vários programas e obras agendadas para o próximo ano.