WhatsApp Image 2018 01 25 at 11.25.01

Coordenadora do Projeto, Andrea Bangoin, esteve reunida com membros da administração na manhã de hoje, 25

Nesta segunda, 29, Porto Nacional receberá a Unidade Móvel de Eficiência Energética. Um caminhão da Energiza, equipado com projetores que irá atender em seu interior 30 alunos que receberão informações educativas de como economizar energia. Os alunos também irão ver como se produz energia e terão, na prática, o comparativo entre lâmpadas econômicas (led) e as convencionais.

Segundo a coordenadora do Projeto, Andrea Bangoin, a ação, com início às 13h30, irá se estender até a noite, quando terá a exibição de um filme em uma tela de cinema ao ar livre. Aberto a toda comunidade. “Será um dia de muitas atividades com as crianças que receberão informações importantes sobre como economizar energia e a importância da preservação ambiental. O caminhão tem toda uma decoração futurística que as crianças vão amar. Teremos vídeos, palestras e entretenimento, finalizando com a exibição de um filme em tela de cinema, com muita pipoca.” Disse a coordenadora.

Porto em primeiro lugar

Segundo a coordenadora, a cidade de Porto Nacional foi escolhida para receber a primeira ação do projeto em razão do sucesso alcançado nas duas outras edições já realizadas pela Energiza no município. Além do entretenimento e das informações que serão repassadas aos alunos, a Energiza irá recadastrar as pessoas de baixa renda no programa Tarifa Social. “Temos que lembrar aos consumidores de baixa renda que não basta terem a inscrição no NIS (Número de Identificação Social) para terem o benefício da tarifa social, para recebê-lo todos tem que fazer o cadastro junto à empresa para ganhar o benefício, e esse tem que ser refeito a cada dois anos.” Lembra Bangoin. A empresa também fará visitas domiciliares para o recadastramento e promover a troca de lâmpadas comuns pelas de led.

Local

O Projeto acontecerá na escola Municipal Deasil Ayres, Brigadeiro Eduardo Gomes, e terá o apoio da Prefeitura de Porto Nacional, através das secretarias da Educação, Cultura e Turismo e Assistência Social.