O prefeito de Porto Nacional, Joaquim Maia, esteve em Brasília, em audiência com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, a quem solicitou o atendimento aos projetos habitacionais, apresentados no ano de 2017, ao Ministério, pela Prefeitura de Porto. Acompanhado da secretária Municipal do Planejamento, Meio Ambiente, Habitação, Ciência e Tecnologia, Flávia Halun Ayres, o prefeito ainda teve reuniões nos ministérios, da Educação, do Trabalho, da Ciência e Tecnologia além da Secretaria Nacional da Habitação.

“Além do resgate desses projetos, solicitamos também o cadastro do Cartão Reforma que efetuamos no ano passado, uma estimativa de 100 cartões para a comunidade de Porto” – informa o prefeito Joaquim Maia, acreditando numa sinalização positiva do ministro, no atendimento às solicitações.

WhatsApp Image 2018 01 27 at 9.45.01 AM 1

Projetos habitacionais

  • Conjunto Residencial Porto Imperial I – 300 unidades
  • Conjunto Residencial Porto Imperial II – 100 unidades
  • Jardim Imperial I – 200 unidades habitacionais
  • Jardim Imperial II – 200 unidades
  • Jardim Imperial II – 200 unidades habitacionais
  • Flor da Serra – 50 unidades habitacionais
  • Residencial Park Ville I – 300 unidades habitacionais
  • Residencial Park Ville II – 200 unidades habitacionais
  • Residencial Park Ville III – 294 unidades habitacionais
  • Residencial Park Ville IV – 300 unidades habitacionais

WhatsApp Image 2018 01 27 at 9.45.03 AM

Inclusão digital

No Ministério da Ciência e Tecnologia, a solicitação foi para inclusão digital da região de Luzimangues. “Queremos levar para  Luzimangues, internet de qualidade” – destaca a secretária  Flávia Ayres.

Qualificação

No Ministério do Trabalho, a solicitação foi para a liberação de recurso para qualificação de mão de obra. “Com mão de obra capacitada e formada, é mais fácil se conseguir emprego ou produzir renda” – argumenta o prefeito.

Retomada

No Ministério da Educação, a retomada das obras em construção. “Queremos finalizar essas  escolas o quanto antes, retomando as obras para entregar aos legítimos usuários, as escolas prontas” – assegura Joaquim Maia.

WhatsApp Image 2018 01 26 at 9.56.42 AM